19/08/2008

Chove lá fora e aqui dentro!

Postado por Dulce Miller às 06:00

O tempo influencia no humor das pessoas? Tudo bem que gosto de chuva e frio, mas aqui em Porto Alegre São Pedro está exagerando um pouco na dose esse ano!
Chove sem parar desde sexta-feira. cloud_rain
Pra quê tudo isso?smile_omg
Deve ser por isso que ando triste e desanimada. Ou porque não costumo ficar doente e essa infecção respiratória me pegou de jeito, me deixando assim sem voz e com vontade única e exclusiva da minha cama (preciso dormir mais um pouquinho, mas por hora perdi o sono, são 5 horas da manhã de terça-feira e ainda está chovendo). Pelo menos hoje eu não vou trabalhar, preciso fazer repouso principalmente da voz.
... Ou talvez, quem sabe, todavia, contudo... eu esteja querendo uma desculpa pra justificar esse vazio imenso que invadiu meu coração e que eu bem sei, só pode ser preenchido por uma única pessoa nesse mundo: eu mesma... euzinha! A solidão nunca me assustou antes, sempre tive uma ótima relação com ela a ponto de gostar muito de estar só comigo mesma e meus pensamentos. Quem pode saber o que está acontecendo agora? Eu sinceramente não sei.
Até lembrei do primeiro poeminha que eu fiz, há muitos e muitos anos atrás, e que fala justamente sobre essa sensação de "abandono de mim mesma":

"Anjo Triste"

O tempo é um rio sem nascentes,
corre incessantemente para a eternidade
mas em inesperados trechos do seu curso
o nosso barco se afasta, e vai,
para algum lugar
feito de antigas águas passadas
e só Deus então
sabe o que vai nos acontecer.
Talvez sejamos como náufragos,
num oceano sem fim
tentando chegar às margens dos verdadeiros sentimentos...
Talvez sejamos como uma ostra
em uma concha fechada
e não nos resta nem o consolo
de estar produzindo uma pérola rara...
Entre o sonho e a realidade
entre a vida e a morte,
cai a sombra.
Entre esta sombra e a claridade
eu vivia
sem, aparentemente
ter outra ambição
do que a de manter a paz
e a solidão.

[Du]

13 comentários:

Juliana Petroni on 19 de agosto de 2008 10:11 disse...

Nada como um dia de sol para incendiar o nosso coraçaõ. Belo texto
um beijo

Jornalista Azarado on 19 de agosto de 2008 10:13 disse...

Sabe, pense bem... A chuva lava a alma, dá uma paz, um sossego.. e as vezes é bom ficarmos somento com a gente, para repenser nossos planos, nossa vida... E a chuva traz nutrientes para as plantações, refresca, lava e depois fica aquele cheirinho gostoso de chuva. E sem contar que dormir com aquelas gotinhas no telhado/janela é uam delicia.. Aproveite o tempo em casa, descanse, relaxe, durma bastante, pense o quanto vc é importante para vc mesma e volte com tudo quando estiver 100%

bjuus!

Amigao on 19 de agosto de 2008 12:40 disse...

Du, deixa chover pq dentro da gente tem um fogo ardendo que nunca vai se apagar.

Esta é a musica que deve ser cantada hoje.
bom dia pra voce.

eu quero esta caneca, rsrsrsrs

Cidão on 19 de agosto de 2008 13:04 disse...

Não se sinta só, Duzinha. Você tem um um monte de amigos(embora virtuais) que te ama e que te quer muito bem.
Dormir é bom. Relaxa bastante e não esqueça de tomar bastante líquido.
Eu também estou com uma virose que já está indo embora. Desde sábado estou "derrubado". Hoje eu já estou bem melhor.
Te amo!!!! ;o)

agda gabriel on 19 de agosto de 2008 13:46 disse...

Oi Dú, já ouviu falar em depressão sazonal? Pois é isso que eu tenho qdo o tempo fecha e o céu desaba em agua. Dias nublados, cinzetos e chuvosos me deprimem ao extremo.
Eu gosto de sol, calor, 40° graus à sombra de preferencia. Hoje o dia ta lindo por aqui...prenuncio de primavera...Ebaaa! Beijos e descansa.

Magui on 19 de agosto de 2008 13:52 disse...

Realmente , dia chuvoso é horrível.Também me sinto assim qd chove muito.

Urbano Leonel Sant' Anna on 19 de agosto de 2008 17:19 disse...

Oi, Moça!

Ainda tá dodói? Puxa!

Sabe? Não tenho nenhuma dúvida de que dias cinzentos e chuvosos deixam o nosso espírito sombrio e triste. É um bom momento para nos recolhermos em nós mesmos e investigarmos o que vai dentro do coração. Momento excelente para derramar a alma no papel e escrever os nossos melhores textos. Ou, então, para dormir muito e recarregar as baterias. Ou, melhor ainda, se possível... para fazer muito amor e deixar as baterias a milhão! (rsrs)

Quanto ao poema...
Este eu já conheço a uns 15 anos, não é mesmo!?

Eis aqui a parte mais triste, mas também a que eu mais gosto. É o retrato do desespero e do tédio, mas (ou talvez por isto mesmo) são os versos mais lindos!

"Talvez sejamos como uma ostra
em uma concha fechada
e não nos resta nem o consolo
de estar produzindo uma pérola rara..."

Puxa! Alguém me corte os pulsos, por piedade!
Adorei!

Beijão, Duzinha!
Fica boa logo, tá!

jubliana. on 19 de agosto de 2008 17:47 disse...

Colé Duzinha, hoje voce descansa e amanhã tá novinha em folha. Só não pode deixar a chuva ganhar de você, né?

força na peruca. ;**

NANDO DAMÁZIO on 19 de agosto de 2008 18:50 disse...

Ah, eu já tinha lido e comentado este poema no Norte, lembra?

Se não me engano eu falei algo sobre primeira viagem e você sugeriu que eu desse continuidade pra formar um poema...

Mas ele é lindo mesmo!

Beijo, Duzinha, espero que o sol tenha surgido e sua voz também! :)

Lorena on 19 de agosto de 2008 19:11 disse...

Duzinha... fica bem. A chuva é passageira assim como esse seu estado "adoentado" e melancólico. Vc vai ficar bem logo, logo.

E esse poema, que lindo!! Quando vc escreveu?

Du on 19 de agosto de 2008 21:38 disse...

Lô, acho que eu devia ter uns 14 anos, sabe que nem lembro mais? Mas acho que foi por aí mesmo...
O sol não apareceu hoje, mas já estou me sentindo melhor.
Não pude responder todos os comentários, mas deixo aqui um grande beijo pra todos que passaram por aqui hoje, muito obrigada pelo carinho!

Sahmany on 19 de agosto de 2008 23:14 disse...

Oi minha linda!
Sabe Du, eu acho que o tempo influencia sim. Eu, por exemplo, detesto dias cinzentos. Fico triste. Gosto do sol, da luz, do calor.
Beijos pra tu amore.

Éverton Vidal on 23 de agosto de 2008 23:47 disse...

O tempo influencia.
O poeta é influenciado pelo tempo de fora e plo clima de dentro. Quando tá tudo muito trsite ele tá alegre, ou quando tá todo mundo alegre e aqui, ele (ela) está triste e noutro lugar...

 

a moça do sonho © 2012 Web Design by Ipietoon Blogger Template and Home Design and Decor Vector by Webdesignhot