Como utilizar o Twitter de forma simples, divertida e produtiva!

14/08/2009

Diz-se que o Twitter – uma das mais recentes formas de social media a apaixonar milhões em todo o mundo – não se explica, experimenta-se. Isto porque é uma ferramenta que pode ter muitos papéis diferentes, dependendo do utilizador. Por outro lado, tem a característica viciante e consumista de tempo que é comum a grande parte dos sites onde se socializa online. Este é um guia minimalista para ajudá-lo a utilizar o Twitter de forma simples, divertida e produtiva. Bons tweets!
Evite seguir muitos utilizadores. Há quem siga centenas ou até milhares de pessoas, o que significa que são atingidos por um rio de tweets que nunca mais acaba – mesmo que quisessem, é praticamente impossível estar a par de cada tweet. Em contrapartida, há quem siga uma dezena de pessoas ou menos… então qual será o interesse nisso? Ao seguir de perto os tweets de 10 pessoas ou menos, pode não retirar grande feedback dessa experiência… mas a verdade é que tudo depende das suas necessidades e objetivos pessoais. Se quer simplificar a utilização do Twitter, o ideal é limitar os seguidores a um máximo de 100 pessoas – pode sempre adicionar ou eliminar contatos à medida que descobre alguém interessante ou que verifica que os tweets desta ou daquela pessoa não contêm qualquer mais-valia.
Evite tweets em excesso. Algumas pessoas estão constantemente a tweetar, que é como quem diz, de 5 em 5 minutos, bombardeando os seus contatos com tweets constantes e contínuos que, para quem quer que esta seja uma experiência minimalista, esgota a paciência, distrai e contribui para a perda de tempo. É claro que a sua utilização do Twitter vai depender daquilo que pretende retirar da própria ferramenta, no entanto, é recomendado limitar os tweets a 10 por dia ou então apenas para quando tem alguma coisa realmente interessante para dizer ou perguntar.
Evite estar constantemente ligado ao Twitter. Alguns aficionados mantêm o Twitter sempre ativo, dia e noite, a toda a hora. Se funciona para eles, óptimo, mas se não quer que o Twitter se torne na sua maior distração, o melhor é mantê-lo fechado. Abra-o algumas vezes ao dia, em jeito de pausa, para ver o que se passa ou para comunicar algo pertinente. Limite cada utilização a apenas alguns minutos.
Aproveite para comunicar. O Twitter pode ser um excelente recurso para comunicar algo em particular, sendo por sinal muito mais rápido, eficaz e abrangente do que fazê-lo através dos métodos tradicionais como um e-mail, um post num blogue ou uma mensagem no Messenger.
Faça perguntas. Quando surgir uma dúvida, questão ou necessita de obter ideias ou sugestões rápidas, não há nada como tweetar essa pergunta para receber, de imediato, dezenas (ou até centenas) de respostas.
Elabore uma sondagem. Está a trabalhar num artigo, está dividido entre o assunto para o próximo postdo seu blogue, o que deve oferecer ao irmão no aniversário ou simplesmente quer ganhar uma aposta com os amigos? O Twitter é ainda ótimo para fazer questionários rápidos e abrangentes, com resultados igualmente velozes.
Restrinja-se a tweets interessantes. Se tem uma notícia fantástica para partilhar, força! Afinal de contas, é esse o objetivo do Twitter – comunicar mensagens curtas, rápidas e que aguçam a curiosidade, sendo esta uma das melhores formas de iniciar e manter grandes conversas. Se não tem, não faça questão de tweetar, só para tweetar. Ninguém vai reparar no seu silêncio, mas sim em tweets sem nexo e/ou que nada acrescentam à conversa em questão.
Junte-se às conversas… de vez em quando. Não tem qualquer obrigação, nem deve intrometer-se em todas as conversas que aparecem no seu Twitter – é assim que se perde muitas vezes tempo precioso. Por outro lado, uma das vertentes mais divertidas e práticas do Twitter é que pode entrar e sair das conversas sempre que quiser.
Inspire-se. O Twitter pode ser uma excelente fonte de inspiração e de informação, na medida em que muitos tweets revelam notícias de última hora, links interessantíssimos e outras curiosidades. Pode ser uma excelente forma de se manter a par de determinado assunto, de descobrir novos sites ou simplesmente fazer uma pausa, acompanhado de alguma boa leitura. No entanto, a quantidade de informação disponível pode ser avassaladora se tentar absorver tudo, por isso, em termos de leitura de tweets não há nada como um pouco de conta, peso e medida.
Aprenda a ser conciso. Uma das grandes novidades e atrações do Twitter enquanto social media é o seu limite de 140 caracteres, ou seja, pode dizer tudo aquilo que lhe vai na alma, mas apenas em mensagens de 140 caracteres. Ao ser obrigado a escolher as palavras certas e a editar, está a poupar tempo e a disciplinar-se com menos… sem perder o seu aspecto divertido. Claro que há quem faça batota, utilizando dois ou mais tweets para a mesma ideia, indo contra o espírito do Twitter e o objetivo da própria ferramenta. Limite-se ao essencial e cada tweet será, em si, algo simples e conciso.
Utilize-o como um diário. O Twitter é um excelente diário virtual onde um grupo de pessoas pode relatar os progressos com os seus planos de emagrecimento, de exercício físico, de conclusão de um projeto ou das suas viagens. O céu – e os 140 caracteres – são o limite!
Reduza o volume da sua caixa de correio. Se utiliza o Twitter regularmente, pode reduzir a quantidade de feeds que recebe diariamente por e-mail, isto porque a probabilidade de os seus sites e blogues favoritos estarem no Twitter a relembrar toda a gente que já publicaram um novo post é grande. Esta é uma excelente forma de tirar maior partido do Twitter, ao mesmo tempo que dá descanso ao e-mail.
Uma forma de recrutamento. O Twitter é uma excelente forma de procurar emprego, de procurar colaboradores ou qualquer outro serviço que possa precisar de contratar num determinado momento. Há sempre alguém que conhece alguém que conhece alguém, ou seja, quem quer que seja que necessita procurar, o Twitter deve poder dar uma mão.

12 comentários:

  1. Ótimo post,com um texto muito interessante,que dá dicas pertinentes.Parabéns e obrigado.Beijo.

    ResponderExcluir
  2. Bom dia Du, adorei o post hoje (novidade, não é?). Eu não sou muito fã do twitter e confesso que nem sempre tenho paciência com essa ferramenta, mas eu a uso como meio de contato justamente para não transformar minha caixa postal em um pesadelo. Tem resolvido nesse sentido. Não sigo muitas pessoas não, só as que eu acho interessante...
    Enfim, de novo eu amei a música da Carly Simon que estava tocando aqui hoje.
    Beijos menina e uma excelente sexta-feira...

    ResponderExcluir
  3. Eu tenho usado tão pouquinho o twitter, mas confesso que sou apaixonada por ele!!! :D
    E realmente, ele ajuda muito a não superlotar a nossa caixa de email, pultz!! Muito mais fácil por lá, né??!!
    Beijiiinhos, querida!!!

    ResponderExcluir
  4. Bom dia Du! Adorei sua postagem, pois fiz um twitter a uma semana, e estou toda perdida em mecher com aquilo... adorei suas dicas, obrigado!
    Será que vc poderia me dar mais uma dica, mas não sobre o twitter?
    É sobre esse widgest que mostra postagens relacionadas. Eu consegui colocar em meu blog, mas não consigo deixar em português... como vc fez para ficar em português? E como vc conseguiu que ele mostrasse 4 postagens antigas? porque o meu só mostra 3.
    Será que vc pode me ajudar?
    Bjks e tenha uma ótima sexta

    ResponderExcluir
  5. Esse tutorial é realmente útil, dú. Agora vou tentar SAIR do twitter um pouco. è a parte mais difícil XD

    Postando denovo, passa lá! Beijão!

    ResponderExcluir
  6. ahahahaha, pois é Leandro! A parte mais difícil é SAIR de lá! Pelo menos agora eu consegui, sou forte! hehehe

    Beijo pra todos!

    ResponderExcluir
  7. Eu estou evitando ao maximo.Ainda prefiro blogar.

    Beijão do amigão!

    ResponderExcluir
  8. Oi Du valeu a dica eu estava mesmo querendo saber um pouco mais sobre esse TWITTER. Olha só a Amanda está com suspeita de ter contraido a gripe A ou Suina como preferir.
    Bem quanto a mim resolvi sacudir a poeira e bola para frente, agora vou me dedicar a cuidar de minha filha, o resto é só um resto não vale a pena, muito obrigada pela força e o ombro amigo um bjão.

    ResponderExcluir
  9. Ah, eu prefiro meu velho msn mesmo...
    Mas gostei do texto, bem informativo...
    Vim te convidar para um desafio... Propus lá no Ideias de Milene. Só tem que ler o texto e responder a pergunta...lá nos comentários do blog mesmo...
    Topas o desafio? Estou te esperando lá!!!
    bjs

    ResponderExcluir
  10. Caramba!
    Valeuzao Du. Boa dica!

    ResponderExcluir
  11. Duzinhaaa,
    Adorei esse Post do Twitter.Se vc deixar,posto lá no compartilhando as Letrasecoloco um link paracá.Beijinhos

    ResponderExcluir
  12. É garota. Você foi pega pelo vírus do passarinho. Aliás, todos nós! :o)

    ResponderExcluir

^ Suba