Eu ainda acredito!

16/11/2009


Acredito em todas as crianças

acredito em alguns adultos
mas desses acredito em todos os que acreditam nas criança 
acredito no amor
e em todas as formas de que ele se veste e escreve
escondido num sorriso pendente num ramo de árvore
vestido de pequeno bicho que pára e nos olha no campo 
acredito na verdade
embora haja muitas verdades
e nunca saibamos bem qual delas é de quem
ou de qual ou até mesmo para que serve
acredito na justiça
e no ela separa de bem e de mal
e naquilo que ela serve para que o bem ajude o mal
porque de verdade nunca ninguém permanece sozinho
abandonado em apenas um dos lados
acredito na paz
é a arma mais forte que existe
porque com ela tudo é possível
e mesmo quando ausente dos gestos diários
escondida mesmo desaparecida em combate
ela há-de voltar pois é coisa absolutamente incontornável
acredito na alegria
um bom dia de sol
uma música suave e terna
momentos de silêncio os nossos segredos
quando parece que o mundo fica sem mexer à volta
acredito no abraço
de uma mão quando procura outra
e com ela fica terna e quente
as festas que mais ninguém sente
quero essa pele com pele
da mais lisa branca à mais escura ou rugosa
acredito nos olhos
no que sempre dizem
porque os olhos nunca mentem
são sempre verdadeiros
falam de coisas que por vezes a alma não fala
pois não sabe não aprende ou
simplesmente porque não estão ainda inventadas
todas as palavras que dizem o que sentimos 
acredito na vida
ela é como as estações
mesmo depois dos dias de mau tempo
a primavera há-de voltar sempre diferente
por vezes inesperada ora precoce ou tardia
porque por cima das nuvens a luz continua a brilhar
acredito que nada começa e nada acaba
não há definitivo
pois tudo se recompõe deixa correr
e há nas coisas todas um sentido que não se explica
se explicasse deixava de fazer sentido
e vida sem mistério não é coisa que se viva
acredito que nenhum sofrimento é sem destino
e que tudo quanto é mais difícil agora
terá uma qualquer recompensa amanhã
porque acredito que no fim nem que seja mesmo só aí
a vida é como um filme de final feliz
acredito que muitas vezes deixamos de acreditar
há coisas injustas ou más ou feias demais
para não conseguirmos evitar dizer é mentira
isto não devia estar a acontecer 
acredito que é possível voltar a acreditar
só não acredito na morte
como um passo sem retorno
é verdade que todos continuam vivos
luz na memória dos outros
enquanto baterem à porta do coração
 
[Poema de Pedro Strecht]


Recebi um e-mail da Cafeína e acho que vale a divulgação:

O Senado criou uma enquete para testar a opinião pública sobre o PLC 122/2006 (que criminalizada a homofobia). A enquete ficará no ar durante todo o mês de novembro. Peça para amigos e colegas votarem a favor também!

Entre na página da Agência Senado AQUI

Baixe a barra de rolagem um pouquinho. Do lado direito da tela você encontrará a enquete

Dê um clique a favor da cidadania LGBT e do respeito a diferença!!!!

16 comentários:

  1. oi minha amiga!!! Bom dia!!!
    Continue acreditando sim... Eu continuo! ....
    beijo pra ti!
    amotu e to com saudade!
    Pat

    ResponderExcluir
  2. Acho que temos que acreditar em tudo... ou pelo menos .. fazer todo o esforço para tentar...

    Pq sem acreditar... sem ter fé .. a vida simplesmente não tem sentido!!!

    =P

    Bjos e ótima semana!!!

    ResponderExcluir
  3. precisamos acreditar!
    Abraço
    Priscila

    ResponderExcluir
  4. Olá. Cá estou eu mais uma vez a vizitar o seu cantinho e agradecer pelo seu delicado comentário. Muito obrigada.
    Agora vou dar uma espiada no seu post.
    FOI DESSE JEITO QUE EU OUVI DIZER... deseja uma boa semana.
    Saudações Florestais !
    http://www.silnunesprof.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Não adianta q acreditemos nos homens, nas crianças e na vida, sem acreditarmos em Deus.

    E eu acredito piamente q Deus sempre guarda o melhor p nós. Basta procurarmos lá dentro da gente, para q encontremos.

    Beijooosss

    Amotu

    ResponderExcluir
  6. Eu acredito na fé! Bjs :*

    ResponderExcluir
  7. Du, temos obrigação de acreditar, principalmente porque tivemos um criador, que acreditou em nós! Acredito que o homem sem esperanças é como um saco vazio que não pára em pé! Acreditar é ter vida! Beijus

    ResponderExcluir
  8. Oi, Du!

    Deveriamos cantar esse post como um hino! O que seria de nós sem a esperança?

    Uma semana de paz, moça!

    Bjs.

    ResponderExcluir
  9. Mesmo em ocasiões em que me sinto triste, Eu posso até vacilar, mas a chama do meu Acreditar ainda que pequenininha, está lá...

    Beijos mil, Du!!!

    PS:nunca deixe de Acreditar em Você e no melhor ao seu redor...

    ResponderExcluir
  10. Oi Du... Não deixar de acreditar é o primeiro passo pra conseguir!

    Amei o texto! Bjo Grande!
    Passa lá no blog pra ler o texto da Clarice Lispector que postei hoje!

    http://imsomnia.wordpress.com

    ResponderExcluir
  11. Sei que é preciso acreditar. Admiro o entusiasmo das pessoas acima.
    Tenho a acrescentar que há muito, muitos já perderam as esperanças.
    Como fazer, então para que as pessoas que pelo mundo afora sofrem a mais profunda desilusão?
    Belo texto!
    Doravante, acredito, com moderação.
    Beijos!

    Izabel

    ResponderExcluir
  12. Du

    Sempre haverá quem acredite e tenha esperanças.
    Apesar de tudo eu ainda tenho fé na humanidade, penso que há sempre alguém melhor e que este fará algo para que outros possam acreditar e ter esperanças.
    Belo texto.
    Ja votei viu, fiz minha parte.
    Sou contra à todo tipo de discriminação. Acho uma coisa odiosa, ninguém tem o direito de julgar ninguém, pois não existe seres perfeitos.
    Muito boa esta tua iniciativa de ajudar a divulgar.
    Besitos

    ResponderExcluir
  13. Du,

    Eu também ainda acredito, mas está cada dia mais difícil. Belo poema.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  14. Devemos acreditar no amor, na felicidade. Sempre estaremos perto do que acreditamos...nossa vida é feita dos nossos pensamentos...

    Abraços carinhosos.

    ResponderExcluir
  15. "acredito na vida
    ela é como as estações
    mesmo depois dos dias de mau tempo
    a primavera há-de voltar sempre diferente
    por vezes inesperada ora precoce ou tardia
    porque por cima das nuvens a luz continua a brilhar"

    Duzinha, não se esqueça que Deus não nos dá nada que não possamos suportar. Tudo vai dar certo, eu tenho fé.

    Um beijo com todo o meu carinho

    ResponderExcluir

^ Suba