Pro raio que o parta! Lembranças, ando farta...

09/07/2011




Pro raio que o parta! Lembranças, ando farta...
Im-paciente. In-consequente. In-coerente. In. Out.

A neve da tua alma congela minhas dores, faz de mim pedaços de gelo partido, derretendo aos poucos no sol da minha calma. Serenidade é virtude.
Assim como passarinhos errantes, que escolhem onde vão conforme o tempo do vento, eu escolho o tempo de dentro. Sol-imensidão.Ternura-cura.
Estou plena de mim, da minha própria luz... e da certeza que mereço o sol, mesmo em noites de luas frias.

 Auto-amor.
O vazio cedeu lugar à paz... e aquela felicidade gratuita em olhar para o céu sem nada dizer.
Agradeço em silêncio.

[ Dulce Miller ]



Imagem daqui

10 comentários:

  1. Du, dourada Du, moça dos sonhos, das lembranças de um tempo de inocência que só perdemos quando nos recordamos que já temos idade pra sermos nossos pais quando pequenos eramos! Que texto " alforrioso" ( liberdade de matar o idioma pra parir palavras, rs) é esse! Quanta coisa que se parar pra pensar o silêncio vai adormecer mais ainda nu profundo reflexo de si mesmo, já que acordar é revolução, e euforia precisa ser sempre o quanto conseguirmos, contida. Bem, tenhamos auto amor, mas nunca nos coloquemos em piloto automático. Cansamos, sim, mas se paramos é pra tomar novos fôlegos!
    A vida nos espera pra florearmos poesias em festivas ocasiões...

    ResponderExcluir
  2. Tem palavras tão profundas que nos calam diante do que estamos sentindo e vivendo.
    Um brinde aos sentimentos vivos dentro de nós, mesmo que seja motivo de dor e saudade.
    Lembranças que pousam feito borboletas na janela, só que dessa vez , na janela da alma.

    Beijos, Du.

    ResponderExcluir
  3. Simplesmente linda!!

    ResponderExcluir
  4. Um estado de espírito positivo faz da sua poesia uma exaltação à vida. Um abraço, Yayá.

    ResponderExcluir
  5. Acho que a única cura real está instalada dentro de nossa auto consciência, a autonomia afetiva é a coisa mais importante para nos tornarmos pessoas alegres, confiantes e amorosas, capazes de perdoar o comportamento descuidado do outro.

    Este é o sol mais caloroso que há e só dá vida, não queima!

    Xero!

    ResponderExcluir
  6. Memórias são para os velhos os jovens devem viver...shauhsauhs

    ResponderExcluir
  7. Sim, memórias fazem a gente prender. Uma pena que se nos perdermos dentro delas, acabamos por deixar de dar a atenção devida ao presente...

    ResponderExcluir
  8. Eu te achei tananam! :)

    Agora não largo mais!

    #Adorei aqui!

    Bjs Bjs

    ResponderExcluir
  9. Du, querida...

    Que possam ir 'pro raio que o parta' as lembranças que fazem doer seu coração!

    Paz na alma sempre!!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Du, estou com saudades de vc, me liga preciso saber como vc esta. beijos amiga!!!!

    ResponderExcluir

^ Suba