4 de set de 2012

10 curiosidades sobre o Facebook

O Facebook é a rede social mais popular do mundo, com mais 800 milhões de usuários – você provavelmente é um deles. Sendo assim, muitas histórias e polêmicas estão ligadas a esse site famoso. Confira:
1 – A média de amigos dos usuários do Facebook é 130:


Preocupado com sua popularidade? O número médio de amigos dos usuários no Facebook é de 130. As mulheres tendem a ter um pouco mais amigos do que os homens. No entanto, apesar de ter centenas de amigos, a maioria das pessoas só interage regularmente com 4 a 7 pessoas. Qual o seu número?

2 – 25% dos usuários já foi “dispensado” via Facebook:


Uma pesquisa de junho de 2010 com mil usuários do Facebook – 70% dos quais eram do sexo masculino – revelou que 25% deles já havia sido “dispensado” via Facebook (ou seja, alguém terminou o namoro com eles através de uma troca do status de relacionamento).

21% dos entrevistados disseram que terminariam um relacionamento mudando seu status de relacionamento no Facebook para “solteiro”. Embora preocupante, a pesquisa mostra que a maioria das pessoas não termina namoros via Facebook.

3 – Facebook não permite fotos de amamentação:


O Facebook provocou uma ira materna quando retirou do ar fotos de amamentação de bebês que as mulheres tinham postado em seus perfis pessoais, porque as considerou um pouco “reveladoras” demais.

Isso veio de um site que permite fotos de mulheres em biquínis e de casais dando um amasso, que tem ainda aceitado publicidade paga de um site de namoro que tinha uma modelo de topless. (O anúncio topless foi tirado do ar depois que as mulheres notaram a hipocrisia e reclamaram).

Em resposta ao alerta que o site dá às mães que estão violando a política de “decência” do Facebook, ativistas responderam com uma “enfermaria virtual”; 11.000 mulheres postaram fotos de si mesmas amamentando seus filhos e/ou atualizaram seus status para: “Hey, Facebook, amamentação não é obscena!”.

O grupo pró-aleitamento materno tem atraído mais de 250.000 membros.

4 – Facebook causa 1 a cada 5 divórcios:


Antes, era o batom no colarinho. Agora, um em cada cinco divórcios envolve a rede social Facebook, de acordo com uma pesquisa da Academia Americana de Advogados Matrimoniais. 80% dos advogados de divórcio também relataram um aumento no número de casos em que usam a mídia social para evidenciar “traição”.

5 – O primeiro “rosto” no Face era de Al Pacino:


Você se lembra daquele cara triste azul na página inicial do Facebook, que costumava olhar para baixo cada vez que você fazia o login?
Acabaram com ele em 2007, então, se você chegou atrasado para a festa do Facebook, provavelmente não tem absolutamente nenhuma ideia do que estamos falando. De qualquer forma, de acordo com David Kirkpatrick, aquele cara no logotipo, criado pelo amigo de Zuckerberg Andrew McCollum, não era outro senão o jovem Al Pacino “coberto com uma névoa de zeros e uns – os componentes elementares da mídia digital”. Louco, né?

6 – 36% dos jovens verificam o Face depois do sexo:


Acende um cigarro após o sexo? Isso é tão passado! Um estudo de outubro de 2009 sugeriu que as redes sociais estão se tornando uma parte cada vez mais importante da vida dos jovens. Entre os menores de 35 anos, 36% admitiram que “tuítavam, mandavam mensagem e verificavam o Facebook após o sexo”. 40% dos inquiridos admitiram fazer o mesmo enquanto dirigiam, 64% disseram fazê-lo no trabalho, e 65% usam estes canais de comunicação durante as férias.
7 – 350 milhões de pessoas sofrem de Distúrbio do Vício em Facebook:


Distúrbio do Vício em Facebook (Facebook Addiction Disorder – FAD) é um termo introduzido por psicólogos americanos para descrever aqueles que são viciados em Facebook a ponto de sua vida ser realmente afetada por suas atividades descontroladas na rede social.

Os efeitos mais comuns dessa doença são a perda de produtividade, a incapacidade de concentração, a superficialidade das amizades, bem como isolamento em casos extremos. Cerca de 350 milhões de pessoas devem sofrer do transtorno.

8 – Usuários do Facebook têm notas menores:



De acordo com um novo estudo americano, estudantes universitários que utilizam a rede social Facebook têm significativamente menor grau de pontuação média do que aqueles que não usam o site.

O estudo, feito em 2009, entrevistou 219 estudantes de graduação e pós-graduação e descobriu que as notas de usuários do Facebook geralmente variavam em um ponto menores que as dos não usuários – 3,0 a 3,5 para os usuários, contra 3,5 a 4,0 para os não usuários.

A pesquisa também descobriu que 79% dos membros do Facebook não acreditavam que havia qualquer ligação entre suas notas e seus hábitos em redes sociais.

9 – Burger King deu lanche de graça para quem excluiu amigos do Facebook:


Em janeiro de 2009, uma campanha publicitária do Burger King intitulada de “Sacrifício Whopper” recompensou usuários do Facebook com um lanche “Whopper” se eles publicamente excluíssem 10 amigos, que recebiam uma mensagem informando que estavam sendo excluídos por um hambúrguer grátis.

A campanha usou o slogan “A amizade é forte, mas o Whopper é mais forte”. Até o momento, a aplicação havia sido baixada mais de 55.000 vezes e mais de 250.000 “amigos” foram sacrificados por um lanche.

10 – O cara preso por convidar sua filha adolescente pra fazer sexo via Facebook:


Muitos crimes já foram cometidos ou anunciados no Facebook. Talvez em um dos piores deles, um pai da Pensilvânia, EUA, foi preso por supostamente convidar sua filha adolescente para fazer sexo via Facebook.

John Forehand, 39 anos, se referiu a si mesmo como “Papai Mau” na correspondência on-line com sua filha de 13 anos de idade, na qual ele abertamente deixou explícitas sugestões sexuais. Forehand disse à filha que estava tendo sonhos “inapropriados” com ela, e escreveu-lhe: “Eu vou cuidar muito bem da minha menina”.

A adolescente contou à mãe sobre as mensagens inapropriadas no Facebook, e ela então alertou a polícia. A polícia capturou Forehand enganando-o para pensar que teria um encontro com sua filha. Quão doente é isso?

Por Natasha Romanzoti
Fonte de texto e imagens do Hype Science

3 comentários:

  1. nossa! deu até medo agora.. as vezes ficamos tão iludidos com as facilidades e lazeres do face, que esquecemos o quanto ele pode ser prejudicial, se estiver em excesso! adorei o post, e eo blog. visita lá tbm http://brisaquepensa.blogspot.com.br/
    beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade Lillyan, eu também senti um certo medo...
      Beijos, seja sempre bem-vinda aqui :)

      Excluir

  2. Devemos ter bom senso e cautela nas redes sociais,dessa forma não teremos nada a temer.bjs

    ResponderExcluir

 

a moça do sonho Template by Ipietoon Cute Blog Design and Waterpark Gambang