A intensidade de um sonho bom

15/11/2012



Aconteceu. 
E ela se fez bonita como há muito tempo não ousava ser,
vestiu-se dos sonhos mais lindos que havia guardado como alento.

Estava agora na maturidade, completa de cicatrizes de desencantos.
Arriscou uma nova possibilidade. 
Sentia a emoção, sufocada pelo sofrimento aflorar, ao emprestar voz à esperança 
de amar novamente. E ser acolhida...
E a paixão tomou conta de seus sentidos
fazendo avesso da realidade.

Perdeu a medida da emoção...
A vida ficou mais encantada, pura alegria.
Durou a intensidade de um sonho bom.

Tudo não passou de um equívoco. 
De palavras doces e atitudes controversas.
E aconteceu um novo descompasso entre o bem querer e o desejo.

[Carminha Quadros, 27/10/2012]

Imagem daqui

Um comentário:

  1. Frustação

    Foi bonito
    O meu sonho de amor.
    Floriram em redor
    Todos campos em poesio.
    Um sol de abril brilhou em pleno estio,
    Lavado e promissor.
    Só não ouve frutos,
    Dessa primavera.
    A vida disse que era,
    Tarde demais:
    È que as paixões tardias,
    São ironias
    Dos deuses desliais.

    Miguel Torga

    ResponderExcluir

^ Suba